segunda-feira, 12 de outubro de 2009

Acceptance (?)

"There are five stages of grief. They look different on all of us, but there are always five:
Denial. Anger. Bargaining. Depression. Acceptance."

Sem querer dei por mim a tentar encontrar-te noutras pessoas. Tentei procurar quem preenchesse o vazio da tua ausência, ou que me abstraísse dele. Que grande parvoíce! É o querer à força arrancar-te do meu peito.... mas provavelmente tenho mesmo de deixar o tempo encarregar-se disso. Forçar não leva a nada...
Vou tentar arrumar tudo o que te pertence numa gaveta, ignorar o que (ainda) me fazes sentir, e viver... deixar de procurar em cada rosto os teus olhos, o teu sorriso, a tua maneira de ser. Deixar de dormir agarrada à almofada e relembrar as noites em que a almofada eras tu. Fingir que esqueci o teu cheiro, e que ele não faz falta na minha pele.



"Mas a saudade mais dolorida
é a saudade de quem se ama.
Saudade da pele, do cheiro, dos beijos.
Saudade da presença, e até da ausência consentida"