domingo, 27 de abril de 2008

=S


Vi do meu quarto a nuvem-mãe
Em negra carga a par do fim
Vibrou no vidro até se ouvir
Eu abro a dor de ser quem sou
De tudo amar
Vai pra casa
Esquece a rua
Que eu vi
Hoje o tempo vai mudar

Hoje o tempo vai mudar



Eu já trinquei a maçã
Deixei-me olhar a fundo
Mas eu acordo a cada dia
Eu abro a dor de ser quem sou
De tudo amar
Vai pra casa
Esquece a rua
Que eu vi
Hoje o tempo vai mudar

Hoje o tempo vai mudar





Ornatos Violeta - Nuvem

Sem comentários: